Blog, Smart Watches & Eletronicos

Apple lança novos MacBook e AirPods nesta segunda; veja o que esperar do evento – [Blog GigaOutlet]


Acesse agora GigaOutlet e compre com desconto e frete grátis!

A Apple está pronta para seu segundo evento de produto da temporada, um mês após o lançamento do nova linha do iPhone 13.

Em um evento virtual nesta segunda-feira (18) às 14h (horário de Brasília), a empresa deve apresentar dois laptops MacBook Pro de última geração equipados com seu processador de silício de próxima geração. Outra novidade será a atualização para seus AirPods básicos, que está mais de acordo com os recursos da linha AirPods Pro.

O evento da Apple abre o que promete ser uma semana agitada em lançamentos de produtos de tecnologia, com várias empresas mostrando novos gadgets pouco antes da mais importante temporada de férias dos últimos anos. No final desta semana, o Google vai revelar seu smartphone Pixel 6 e a Samsung fará um evento misterioso para a imprensa – evento para o qual nem rumores existiam até outro dia.

No entanto, os produtos estão sendo lançados em meio a preocupações constantes sobre a escassez global de componentes e questões de logística. A Apple, em particular, enfrentou restrições de oferta no início deste ano, impactando principalmente as linhas iPad e Mac. Atualmente, a empresa estaria supostamente considerando cortar suas metas de produção do iPhone para o ano por causa da escassez de chips. A Apple se recusou a comentar o rumor.

Mesmo com a escassez, a demanda por PCs segue em crescimento. As remessas de computadores pessoais, incluindo desktops e notebooks, atingiram 83,6 milhões de unidades no segundo trimestre, um aumento de 13,2% em relação ao mesmo período do ano passado, de acordo com a empresa de pesquisa de mercado IDC.

Dan Ives, analista da empresa de investimentos Wedbush, disse que a decisão da Apple de avançar com o lançamento de novos produtos demonstra “a confiança da empresa” em colocar seus dispositivos “nas mãos dos clientes até a temporada de festas de final de ano, apesar dos céticos do fim do mundo da cadeia de suprimentos”.

M1X MacBooks

Espera-se que a peça central do evento de segunda-feira seja o MacBook. De acordo com uma reportagem da Bloomberg, o MacBook Pro deve receber sua primeira grande atualização em cinco anos.

Se o slogan “Unleashed” (“liberado”) do evento e a arte do convite (que apresenta uma versão no hiperespaço do logotipo da Apple) forem uma pista, a Apple vai gastar um bom tempo divulgando as atualizações de velocidade e desempenho do MacBook Pro. Em 2020, a empresa mudou para um poderoso processador de silício M1 interno para sua programação de computadores. Agora, espera-se que sua linha MacBook Pro receba o chamado processador M1X, que provavelmente será ainda mais rápido e mais eficiente que o M1.

Os novos laptops, que devem vir em dois tamanhos (14 polegadas e 16 polegadas), têm engastes mais finos, telas aprimoradas, baterias mais duráveis e mais opções de memória. De acordo com o analista da TF International Securities, Ming-chi Kuo, que tem um forte histórico de previsão correta de especificações da Apple, a empresa também deve abandonar um dos recursos mais controversos do MacBook: a barra de toque. O acessório é aquela pequena tela touchscreen OLED retangular, que foi introduzida em 2016 para substituir a fileira de teclas de função na parte superior do teclado com atalhos e corretor automático.

Outros rumores sobre o MacBook Pro incluem trazer de volta a entrada HDMI, o slot para cartão SD e um carregador MagSafe, o último dos quais foi removido quando a Apple introduziu as portas USB-C na linha.

AirPods 3

A Apple também pode mostrar sua primeira atualização para AirPods em dois anos. Desde sua estreia em 2016, os fones de ouvido sem fio surgiram como um símbolo de status surpresa e um grande sucesso para a empresa.

A terceira geração dos AirPods provavelmente pegará emprestado alguns recursos da linha mais premium do AirPods Pro, incluindo hastes mais curtas e um case com bateria de longa duração (A versão básica atualmente custa US$ 159, ou cerca de R$ 867, e a Pro custa US$ 259, ou cerca de R$ 1413, em preços do mercado dos EUA).

Há tempos a Apple se apoia na oferta de vários níveis de produtos como seus iPhones e Apple Watches, frequentemente classificados como bons, melhores e os melhores da linha. Por esse motivo, é possível que os AirPods mais recentes venham sem cancelamento de ruído ativo ou suporte de áudio espacial para que a linha Pro ainda possa se diferenciar. (O fone de ouvido da Apple, o AirPods Max, é sua opção mais cara por US$ 550, ou R$ 3001 em preço do mercado norte-americano).

Algumas surpresas de outubro

A Apple também pode lançar um computador desktop Mac mini Pro com o processador M1X. Mas alguns rumores indicam que um modelo mais fino e redesenhado pode ser adiado até o próximo ano.

Enquanto a empresa provocava novos recursos do macOS Monterrey para seus computadores Mac em sua Conferência Mundial de Desenvolvedores em junho, ainda não anunciou uma data de lançamento. A Apple provavelmente revelará na segunda-feira quando os usuários poderão baixar o software de próxima geração, que inclui atualizações para o FaceTime, suporte para AirPlay, um modo de baixo consumo de energia e um recurso de agrupamento de guias no Safari.

(Texto traduzido. Clique aqui para ler o original em inglês).

 


Acesse agora GigaOutlet e compre com desconto e frete grátis!


Fonte: www.cnnbrasil.com.br |

Related Posts