Blog, Techtudo

Deepfake é usada para ‘tirar a roupa’ de mulheres em fotos no Telegram | Redes sociais – [Blog GigaOutlet]


Acesse agora GigaOutlet e compre com desconto e frete grátis!

A tecnologia deepfake vem sendo usada para criar nudes falsos que são disseminados no Telegram. Um bot conectado a sete canais na plataforma usa Inteligência Artificial para retirar a roupa de pessoas que estão vestidas nas fotos. Até julho, o robô já havia adulterado imagens de pelo menos 104.852 vítimas, todas mulheres. A descoberta foi feita pela Sensity, empresa de cibersegurança focada em ameaças visuais, anteriormente chamada Deeptrace, e revelada em um relatório divulgado neste mês.

Prêmio elege destaques na tecnologia em 2020; VOTE no melhor app

Segundo a pesquisa, a rede social russa VK também é um importante centro de divulgação do bot, disseminado por meio de uma página com link direto para o software malicioso. O TechTudo entrou em contato com o Telegram para pedir um posicionamento sobre o caso, mas não teve retorno até a publicação desta matéria. Entenda a situaçao a seguir.

Bot no Telegram usa deepfake para tirar a roupa de mulheres em fotos; entenda — Foto: Pond5

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

O bot que roda no Telegram atualmente é uma versão de código aberto do DeepNude, software lançado em junho de 2019 sob a forma de site com apps para Windows e Linux. O programa usa aprendizagem profunda, especialmente a chamada Generative Adversarial Network (GAN), para prever como seria o corpo da mulher e então criar imagens realistas de suas partes íntimas.

Após reportagem da Vice americana no ano passado, o site sofreu represálias e foi tirado do ar no mesmo mês. Contudo, seus donos venderam a licença a um comprador anônimo por US$ 30 mil. Atualmente ele pode ser encontrado em repositórios de código aberto e sites de torrent.

Veja também: Como saber se uma foto é fake? Veja dicas para descobrir