Blog, Smart Watches & Eletronicos

eSIM Claro: o que é e como solicitar | Telefonia – [Blog GigaOutlet]


Acesse agora GigaOutlet e compre com desconto e frete grátis!

Batizado de e-chip, o eSIM da Claro é um pequeno componente que fica localizado dentro do celular ou smartwatch que pertença à leva mais nova de lançamentos. O recurso traz uma série de benefícios, como maior comodidade na ativação e segurança em caso de perda ou roubo. Ele existe na Claro desde 2019 e marca presença em modelos como iPhone 12 e Galaxy S21. Nas linhas a seguir, saiba como funciona.

🔎 iPhone 13 vem aí: saiba o que vazou até agora sobre a futura câmera

Os recursos do eSIM Claro

O SIM card comum é suscetível à facilidade na troca — Foto: Reprodução/Helito Beggiora

A primeira vantagem é poder cadastrar até dois números em um único eSIM. Além disso, dispositivos diferentes podem compartilhar o mesmo número, ideal para gadgets que precisam usufruir do plano de internet do aparelho celular, como os smartwatches. O eSIM também poupa o tempo de envio ou busca do chip físico, uma vez que o componente principal já está instalado no aparelho.

Além disso, o eSIM não poder ser removido do telefone. Enquanto o cliente mantiver a linha ativa, o celular permanecerá conectado à internet. Somente a operadora de telefonia pode remover uma linha de um eSIM. O procedimento requer uma visita à loja, o que, por si só, já afugenta os ladrões. Na prática, a promessa é de que o smartphone possa ser rastreado por mais tempo.

Existem diversas opções de aparelhos compatíveis com eSIM no país. Confira alguns dos principais:

Como solicitar o eSIM Claro

Loja da Claro — Foto: Divulgação/Claro

Para adquirir o e-chip da Claro, basta ter um celular compatível com a tecnologia e tratar com a operadora de telefonia a aquisição do SIM eletrônico. A Claro informa que é necessário comparecer presencialmente às lojas para resolver a questão. O interessado em aderir ao eSIM para pessoa jurídica deve procurar o gerente de contas. Na loja, será fornecido um QR code para ativação do e-chip no eSIM do aparelho.

A Claro informa ainda que cada marca de aparelho tem procedimentos próprios para instalação e ativação do e-chip. Ainda assim, todos os planos oferecidos pela empresa são compatíveis com a tecnologia.

e-chip pode viabilizar o compartilhamento do plano com wearables como o Apple Watch — Foto: Divulgação/Apple

Por tratar o eSIM como um SIM card convencional, a Claro cobra o mesmo valor pela venda do QR code que ativa o e-chip. Os preços podem variar de loja para loja, e da aquisição ou não de um plano em conjunto. Em muitos casos, o acesso à tecnologia pode até mesmo sair de graça.

Cabe lembrar que as principais operadoras do país já contam com esta tecnologia. Cada uma tem valores e promoções específicas para determinados públicos.

É possível ativar o e-chip também em smartwatches como o Apple Watch e o Samsung Galaxy Watch. Nos modelos que já vêm com o eSIM integrado, é necessário apenas a ativação do e-chip para usufruir de planos completos. O procedimento também requer visita a uma loja física.

Há ainda o Claro Sync, serviço que possibilita o compartilhamento do plano entre linhas pós-pagas pelo valor adicional de R$ 29,99 por mês.

📝 É seguro comprar um celular pelo site da TIM? – Confira respostas no Fórum TechTudo

3 celulares poderosos da Xiaomi à venda no Brasil


Acesse agora GigaOutlet e compre com desconto e frete grátis!


Fonte: www.techtudo.com.br |

Related Posts