Blog

Operador de brinquedo admitiu ter bebido cachaça, diz delegado – [Blog GigaOutlet]

Operador de brinquedo admitiu ter bebido cachaça, diz delegado


Acesse agora GigaOutlet e compre com desconto e frete grátis!

Brinquedo em que mãe e filha estavam em parque de diversões de Itapemirim, no Sul do ES. Crédito: Reprodução / TV Gazeta
Brinquedo em que mãe e filha estavam em parque de diversões de Itapemirim, no Sul do ES. Crédito: Reprodução / TV Gazeta

De acordo com o delegado Thiago Viana, Alessandro Rodrigues dos Santos, de 23 anos, contou que houve falha no brinquedo “surf” – onde mãe e filha estavam –, mas admitiu ter ingerido bebida alcoólica. Policiais que estiveram no parque também relataram sinais de embriaguez no rapaz.

Thiago Viana

Delegado de Itapemirim, em entrevista à TV Gazeta

“O aparelho deu problema. Mas também pode ter havido falha humana. O operador alega que houve uma falha no equipamento, que o equipamento se soltou e o freio não funcionou também. Ele alega que bebeu horas antes, disse que ingeriu só uma dose de cachaça. Mas os policiais identificaram sinais de embriaguez moderado nele”

Ainda de acordo com a polícia, Alessandro Rodrigues dos Santos tentou fugir do local na hora do acidente e não prestou socorro às vítimas. Ele foi detido pela Guarda Municipal de Itapemirim, sendo autuado por homicídio culposo e lesão corporal culposa (sem intenção de matar).

Já o dono do parque, se  apresentou para a polícia logo que os agentes chegaram. Além da acusação de homicídio e lesão corporal, ele também vai responder por exercer atividade econômica sem cumprir a lei, uma vez que o parque estava sem o alvará de funcionamento da prefeitura e da Polícia Civil. A atividade tinha autorização apenas do Corpo de Bombeiros.

MÃE E FILHA ARREMESSADAS

A professora Míriam Oliveira, de 38 anos, morreu após cair do brinquedo “surf”. O acidente aconteceu por volta das 20h, da noite de sábado (1º). A mulher estava acompanhada da filha na hora do acidente. 

Míriam  teve uma lesão grave na cabeça e a perna esquerda esmagada e arrancada do corpo depois de despencar do brinquedo, que passou a girar, descontrolado, em 360º.  A criança foi arremessada do lado oposto da mãe, chegando a se chocar contra um outro brinquedo, chamado Barca,  e caindo em uma área de areia. A menina de 8 anos teve traumatismo craniano, mas sobreviveu.  

A família é de Viana e estaria em Itapemirim a passeio.  A criança está internada na Santa Casa de Misericórdia, de Cachoeiro de Itapemirim. De acordo com informações da Polícia Civil de Itapemirim, o estado de saúde da criança é estável.

Com informações da TV Gazeta.


Acesse agora GigaOutlet e compre com desconto e frete grátis!

Fonte: www.agazeta.com.br