Quanto ganha um streamer da Twitch? Entenda sistema de monetização | Esports – [Blog GigaOutlet]


Acesse agora GigaOutlet e compre com desconto e frete grátis!

A Twitch TV é uma plataforma de lives disponível para PC em versão web, e em aplicativo para download em celulares Android e iPhone (iOS). Em abril de 2020, a plataforma quebrou o próprio recorde, alcançando três bilhões de horas assistidas no primeiro trimestre do ano em todo o mundo. No Brasil, alguns dos principais streamers da plataforma são Felipe “YoDa” Piller Noronha, Bruno “Nobru” Goes, Alexandre “gAuLeS” Borba e Rafael “Rakin” Knittel. Existem dois sistemas de monetização: afiliados e parceiros. Entenda, a seguir, como eles funcionam.

Como fazer live com duas pessoas ou mais na Twitch TV

Com a saída de Ninja da Twitch, o Dr Disrespect reforçou sua posição de destaque na plataforma — Foto: Divulgação/Razer

Quer comprar jogos, consoles e PC’s com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Quanto ganha um streamer da Twitch?

Segundo estimativa do Best Wallet Hacks, streamers como Félix “xQc” Lengyel e Nick “nickmercs” Kolcheff faturam cerca de US$ 26 mil (R$ 139,6 mil) e US$ 64,9 mil (R$ 348,1 mil) apenas com inscrições em seus canais, respectivamente. Além dos sistemas de afiliados e parceiros, existem mais duas formas de ganhar dinheiro na Twitch: donates ou patrocínios.

Um exemplo de patrocínio é Tyler “Ninja” Blevins, que recebeu US$ 1 milhão (R$ 5,3 milhões) para promover Apex Legends quando ainda estava na Twitch. Outro caso é Guy “Dr DisRespect” Beahm, cujo patrimônio líquido é estimado em US$ 3,5 milhões (R$ 17,9 milhões), de acordo com o naibuzz.com.

Com mais de 700 mil seguidores, Nobru tem o canal de Free Fire mais assistido da Twitch — Foto: Divulgação/Corinthians

  • Tornando-se elegível e fazendo cadastro

Esta é a rota mais comum para monetizar um canal da Twitch. Para tornar-se elegível, o streamer deve atender a quatro critérios, começando por ter pelo menos 50 seguidores. Nos últimos 30 dias é preciso ter tido 500 minutos totais e sete dias exclusivos de transmissão, além de uma média de três expectadores simultâneos ou mais. Quando o streamer atende aos critérios, em algumas semanas a Twitch envia o convite para participar do programa de afiliados.

Ao receber o convite por e-mail, e na área de notificações da Twitch, o streamer deve clicar em “Começar” para preencher uma série de informações na aba Preferências do painel de controle do criador. Feito isso, os espectadores começarão a ganhar Pontos do Canal automaticamente. Com estes pontos, o streamer pode recompensar os membros da sua comunidade com vantagens, incluindo uma amostra dos benefícios exclusivos para inscritos. Ou então, recompensas personalizadas do tipo “escolher a música de fundo”.

Por fim, é possível ganhar parte da renda gerada por qualquer anúncio reproduzido no canal. Os afiliados podem definir a duração e a frequência dos anúncios durante a transmissão no painel de controle.

Tornar-se um Parceiro da Twitch é considerado o “próximo nível” após tornar-se um afiliado, pois a plataforma disponibiliza mais ferramentas para o streamer, potencializando as chances de renda. Streamers parceiros obtém renda da mesma forma que os apenas afiliados, porém têm acesso a mais recursos, como reprises e premieres, suporte prioritário, e opções mais amplas de personalização do canal.

Para tornar-se um parceiro, o streamer também precisa atender a alguns critérios. Nos últimos 30 dias é preciso transmitir 25 horas, transmitir em 12 dias diferentes, e alcançar a média de 75 espectadores. Uma vez elegível, o streamer deve preencher um formulário de inscrição para Parceiro.


Acesse agora GigaOutlet e compre com desconto e frete grátis!


Fonte: www.techtudo.com.br |